Mais Amor, Menos Desperdício e Mais Informação!

evento

Galera orgânica e xerosa!!!

É com muita alegria que o Favela Orgânica convida a todos vocês para o nosso primeiro evento aberto, de muitos que virão nesse ano de 2015. O evento mais colorido e cheio de vida que existe!

Nos encontraremos para trocas incríveis de experiências de vida, de pessoas que superaram obstáculos para ter uma forma de viver mais orgânica!  GALERA ORGÂNICA E XEROSA!

Nossos convidados:

JUSSARA DUTRA :: Contando como a Gastronomia entrou na sua vida, e falar sobre o GT de Gastronomia do Rio Grande do Sul

IZABEL MONTEVERDE :: Falando de nossas cores de dentro

THAYNA RODRIGUES :: Uma adolescente falando como os instrumentos musicais mudaram sua vida, dando aulas desde cedo para outros adolescentes na bateria do mestre DA.

ERIC EUSTÁQUIO :: Co-fundador e Empreendedor de Sonhos da Utopia – Movimento da Empatia Coletiva

JOÃO BATISTA :: Produtor local do Chapéu-Mangueira, falando como as Hortas dos Quintais Produtivos mudaram a vida dele.

DANIELLE SOUZA :: Com atividades educacionais com as crianças do local.

Teremos também um cardápio delícia!

Venham todos!!! Esperamos vocês no dia 18/04 às 17h, no Estrelas da Babilônia, no Mirante!

Um xero e até sábado!

Link do evento no Facebook: https://www.facebook.com/events/1581838858723344/

Favela Orgânica em Salvador

10994679_938711772815180_1118119622_n (1)  carla maciel  a fundadora da a feira da cidade e agencia agencia agosto

Com a querida Carla Marciel, fundadora da iniciativa A Feira da Cidade e da Agencia Agosto.

Folia e muita troca de saberes: assim foi o mês de fevereiro para o Favela Orgânica, que esteve na Bahia para levar seus cursos e palestras ao Ação Salvador Orgânica, iniciativa realizada pela Agência Agosto da queridíssima Carla Maciel, que também é fundadora do projeto de ocupação urbana A Feira da Cidade. Confira abaixo algumas das ações realizadas na capital soteropolitana junto à comunidade local:

11004177_938712019481822_1597251404_n (1) feirante seu luis

Na apaixonante Feira de São Joaquim.

– Visita à Feira de São Joaquim, que conta com mais de 3500 feirantes;
– Realização do Primeiro Disco Xepa do Nordeste e Primeiro Disco Xepa Itinerante. Durante esta vivência, Regina Tchelly conheceu com mais profundidade a realidade da feira e teve a oportunidade de conversar com feirantes sobre desperdício de alimentos. Foi realizada uma mini-palestra no local e o preparo de uma geleia de bagaço de abacaxi, maracujá e manga para funcionários e frequentadores;
– Captação de cerca de 70kg de alimentos através de mobilização de feirantes na Feira de São Joaquim;
– Visita a restaurantes locais;
– Visita ao Mercado Rio Vermelho, antiga Ceasinha;
– Entrevista para o programa Mosaico, da Rede Globo/BA, para a rádio Educadora;
– Vivência na Ladeira da Preguiça e recepção pelo projeto ‘Que ladeira é essa? ‘e para o programa MultiCultura.

Com as baianas no Pelourinho.

Com as baianas no Pelourinho.

Navegue na galeria abaixo e fique por dentro do que aconteceu:

 

Dia Internacional da Mulher – Programação com Regina Tchelly/RS

Vai ter Regina Tchelly no Dia Internacional da Mulher sim. Vai ter mulher paraibana, empreendedora, embaixadora da alimentação sustentável empoderando geral com essa energia encantadora que ela tem de sobra!! 

Em Foz do Iguaçu: XVI Encontro Municipal Dia Internacional da Mulher – Medianeira 2015

Dia 05 de março – 19h30min – CPC Arandurá – Aberto à participação
Dia 06 de março – a partir das 8 horas – Salão Bairro São Cristóvão – com direito ao almoço – Fazer inscrição antecipada – evento dia todo.

Encontro Internacional da Mulher

Em Porto Alegre:

Dia 08 de março: Almoço do Amor em Celebração à Mulher. E ainda vai ter muita música, arte e gastronomia num evento representado inteiramente por mulheres que seguem na luta todo dia. Orgulho!!

Conhecer e Comer

Do site Malagueta News

O novo Guia Alimentar para a População Brasileira, lançado pelo Ministério da Saúde, traz uma abordagem inovadora ao considerar que “o alimento é mais do que ingestão de nutrientes”.  As dimensões culturais e sociais passam a ser consideradas como aspectos que influenciam a saúde e o bem-estar. No próximo dia 24 de março, o guia será lançado no Rio de Janeiro durante o evento Conhecer e comer: caminhos para redescobrir a comida de verdade – Perspectiva do Guia Alimentar para a População Brasileira.

Captura de Tela 2015-02-25 às 15.52.00A partir de​ diferentes olhares, a proposta é discutir​ o que representa comer hoje, do ponto de vista nutricional, ético, político, ambientam, entre outros  fatores, que orientam ​as escolhas alimentares do dia a dia. ​De acordo com o Guia, ​a ​Regra de Ouro para se alimentar bem, ​é ​”​comer alimentos in natura,​ ou minimamente processados,​ e preparações culinárias ao invés dos alimentos ultra processados”.​ A publicação será apresentada pelo professor Carlos Augusto Monteiro, coordenador do Núcleo de Pesquisas Epidemiológicas em Nutrição e Saúde (Nupens/USP), responsável pela assessoria técnica​. A programação contará com dois painéis de debates, com os temas Alimentos ultraprocessados, conveniência para quem? e Soberania Alimentar, soberania consumidora e cidadã.

Entre os convidados, estarão presentes a presidente do Conselho Nacional de Segurança Alimentar (Consea)​, Maria Emília ​Lisboa ​Pacheco; o professor Carlos Walter Porto-Gonçalves, do Departamento de Geografia da Universidade Federal Fluminense (UFF); a professora Inês Rugani, diretora do Instituto de Nutrição da Universidade Estadual do
Rio de Janeiro (UERJ); a  p​rofessora Giane Moriali,​ do Instituto de Nutrição da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UniRio); e a Dra. Daniela Sanches Froz​i, do Programa de Alimentação, Saúde e Cultura (PALIN), da FioCruz de Brasília (DF). A habilidade culinária, ou seja a atividade de cozinhar, está entre os destaques do Guia para se promover uma alimentação conect​ada com a cultura, a economia, o meio ambiente e as relações sociais. Para falar sobre esse assunto, a convidada é Regina Tchelly, idealizadora do projeto Favela Orgânica​​. Regina irá compartilhar como a cozinha transformou a sua vida, e como o projeto tem atuado na valorização do preparo da comida, aproveitando integralmente os alimentos disponíveis. ​

Além da rodada de debates com diferentes especialistas, o evento também terá salas temáticas, onde  serão apresentadas experiências e metodologias, que colaboram para para estimular a redescoberta da comida de verdade e de alimentos saudáveis. A associação Slow Food Rio de Janeiro e o projeto Terrapia estarão entre os convidados desta atividade. Destaque ainda para a feira agroecológica que será montada no local, com a participação dos Agricultores da Rede Carioca de Agricultura Urbana.

Por conta da abordagem e inovações, elaborado com ampla consulta pública no país, o Guia Alimentar brasileiro tem sido bem avaliado pela imprensa internacional. Considerado um instrumento para a Educação Alimentar e Nutricional, vem sendo apontado como “o guia do futuro”. Por isso, o evento exibirá duas mensagens, gravadas exclusivamente para a ocasião, com dois nomes de prestígio da área de alimentação. O jornalista e autor norte-americano Michael Pollan, que esteve recemente no Brasil lançando o livro “Cozinhar: uma história natural da transformação” (Ed. Intrínseca); e a nutricionista norte-americana Marion Nestle, especialista em políticas públicas, apresentarão suas considerações para empreender mudanças no sistema alimentar.

O evento, gratuito e aberto ao público em geral, acontecerá no Centro de Ciências de Matemática e da Natureza (CCMN) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), no campus Ilha do Fundão. A organização e realização é do Programa de História das Ciências e das Técnicas e Epistemologia (HCTE) e o Instituto de Nutrição Josué de Castro (INJC),
ambos da UFRJ.

​Serviço
Evento: Conhecer e comer: caminhos para redescobrir a comida de verdade – perspectiva do Guia Alimentar para a População Brasileira
Data: 24/03/2015
Horário: 8h30 às 18h
Local: Auditório Roxinho do Centro de Ciências de Matemática e da Natureza (CCMN)
Endereço: Av. Athos da Silveira Ramos, 274 – Cidade Universitária, Rio de Janeiro – RJ.
Inscrições:  aqui
Informações: 3938-9493 e conhecer.comer@gmail.com
Informações para imprensa: juliana@malaguetacomunicacao.com.br /9 9997-2952 (Juliana Dias)

Favela Orgânica em Paris – Parte 6

Nos despedimos aqui com os últimos registros de nossa incrível experiência. Foram 20 dias de França, 12 de Paris, e vivências que levaremos para o resto de nossas vidas, pessoal e profissionalmente. Um muito obrigada a todos que fizeram parte dessa oportunidade maravilhosa. Foram todos muito especiais! Um xero e au revoir!!

Com uma querida que nos entrevistou para jornal francês

Isso é que é ser orgânico: acordar com nosso amigo Tinou cuidando de seu minhocário!

Minhoquinhas super saudáveis

Muito obrigada, França!!! Um abraço gigante para todos que fizeram parte dessa história!